20
Fev

#Critica: Birdman

Jéssica Pagliai @ Cinema


Look, you’re beautiful and you’re talented. And I’m lucky to have you.

birdman-capa

O que você faria se, seus dias de gloria fosse apenas o passado? Quando tudo o que resta são lembranças assustadoras e que, seus maiores sacrificios se transformassem em arrependimentos…? Será que você fugiria? Se conformaria em ter uma vida menor ou será que você tentaria passar por entre as cinzas mesmo já tendo encontrado a escuridão seguinte, ao invés da grande luz no final do túnel? Birdman é exatamente isso, um conto extraordinário de grandes perdas… E nesse mesmo sentido e em cada tristeza, em todo medo, todas as dúvidas se tornam uma centelha de esperança que tomam uma qualidade assustadoramente familiar. Por mais que, muito do que acontece no filme não seja possível, é apenas uma maravilhosa forma de moldar e nos convidar a cavar o mais profundo dos nossos sentimentos e nos encontrarmos em nossos momentos mais escuros e solitários.

Birdman é a história do ator Riggan Thomson Michael Keaton conhecido principalmente por ter estrelado a fictícia franquia de sucesso Birdman há quase duas décadas. Desde então, sua carreira foi reduzida para quase nada e mais do que uma nota de rodapé na história do filme, ele acredita que seu novo espetáculo da Broadway o qual ele mesmo roteiriza, dirige e atua irá mudar isso… E durante essa produção, ele sofre com seu ex-alter ego cinematográfico. As lutas, medos, dores e outras emoções são passadas de forma simples e suave, de um homem que tenta se redimir e se tornar significativo no mundo.

birdman-capa1

Uma das melhores coisas do filme sem dúvida é o elenco, que mantem uma constante qualidade que vai desde atores veteranos da industria a jovens talentos atuando de forma magnifica com um grande senso de humor e ótimo timing cômico. Michael Keaton se encaixa perfeitamente no papel ainda com seu breve histórico como Bruce Wayne e Batman, e de certa forma, satiriza sua própria carreira dando vida a um personagem fascinante. Ele segue em uma jornada de auto-descoberta e ao mesmo tempo de precisar saber exatamente quem é também precisa entender quem se tornou e, essa condição em que Riggan se encontra se torna ainda mais confusa e perigosa graça a pessoas que estão ao seu redor. Edward Norton é Mike, um ator que acredita que é a mesma pessoa dos personagens que interpreta não possuindo personalidade natural nem caráter próprio, como se fosse água em um recipiente e se tornando a forma exata de onde é colocado. Emma Stone é Sam, filha-assistente pessoal de Riggan, usuária de drogas em recuperação e Zach Galifianakis é o advogado Jake e um lembrete vivo e constante de tudo o que está em jogo…

Outro ponto que se destaca no filme é o ato final, que retrata ideologias de realização, auto-consciência, auto-controle, explosão do ego e da perfeição e, um final que realmente faz a diferença. A história faz um trabalho brilhante em tocar conceitos e mostrar a vida por detrás das cortinas de atores que lutam para agir, história de atores que tentam manter o controle caracterizado apesar de seu colapso emocional e da vida real, atores que se esforçam para serem significativos, brigas com colaboradores e assim por diante, um pacote de drama completo!

birdman-capa2

Uma característica do diretor Alejandro Biutiful é o deleite visual e prazeroso que apresenta. A câmera é a perspectiva em primeira pessoa de um evento baseado na realidade de cada postura que o filme descreve como as emoções dos personagens mesmo sem a necessidade de um dialogo sólido. Repleto de alguns truques de câmera e edição realmente inteligentes, para parecer como se fosse filmado em um único movimento e de detalhes perfeitos como a perfeita iluminação, sons realistas, ângulos de tirar o folego para extrair o máximo da beleza de cada cena. Penso que seu valor não é apenas técnico, mas de como a edição especial e encaixa perfeitamente na narrativa, sem o deixar forçado ou tedioso…

Definitivamente este filme não é uma parte da franquia Marvel ou DC e nunca será… Mas sim, uma história sobre a vida e de como lutar pelos seus sonhos a todo custo! Então o veja, ria, chore pois, tenho certeza que você irá se encontrar nele em algum ponto.

birdman-capa3

Então, para resumir: E apesar do nome engraçado não se engane, não é um filme sobre um super-herói que se espera… Ao contrário do que se possa pensar, Birdman ainda faz um comentário satírico sobre o bombardeio de filmes de super-heróis de agora, alem de ser algo para quem quer realmente sentir ao invés de apenas se assistir. Filmes como este definitivamente não são parar todos, por isso ou se ama ou se odeia, não há meio termo! As atuações são simplesmente memoráveis, uma historia interessante com cenas hilariantes, a filmagem parece ser feita continuamente… O sonho de todo cinéfilo transformado em realidade, com o tom fantástico misturado com o surrealismo do mundo real que cria uma experiência diferente, que eu recomendo a todos também saborearem!

Indicações ao Oscar 2015: 

oscar-2015

Melhor Filme
Melhor Diretor
Melhor Ator
Melhor Ator Coadjuvante
Melhor Atriz Coadjuvante
Melhor Fotografia
Edição de Som
Mixagem de Som
Melhor Roteiro Original.

Beijos.

Nenhum Comentário

 

Deixar uma resposta

!-- WP FOOTER -->