17
Jul

Teoria Pixar

Something

E se eu disser que, os filmes da Pixar fazem parte não só do mesmo universo mas que contam histórias sobre uma linha temporal… Você acreditaria?

Buzzfeed by: This Theory On Pixar Movies Will Blow Your Mind

Foi exactamente isso que Jon Negroni fez! Ele afirma que, os últimos 14 filmes da Pixar existem no mesmo universo e que, por coincidência é bem parecido com o nosso! Hehehe

A teoria completa está aqui mas num resumo básico, tipo aqueles dos tempos da escola em que substituíamos da leitura de um livro inteirinho por um resumão da internet, é mais ou menos assim…

(mais…)

1 Comentário
18
Fev

ParaNorman

Filmes & Séries

I see dead people… Ops, filme errado, hehehe

★★★★½

Em ‘ParaNorman’, o menino de 11 anos Norman Babcock passa a maior parte dos seus dias apreciando detalhes de filmes de terror e estudando crenças sobre fantasmas. De fato, Norman tem a habilidade de ver e falar com os mortos, como a sua amada avó. No colégio, Norman se esquiva do bullying de Alvin, troca confidências com o impressionável Neil e tenta não prestar muita atenção em sua professora petulante, a senhora Henscher. Norman é contatado inesperadamente por seu estranho tio Prenderghast, que o derruba com a revelação de que a praga de séculos de uma bruxa é verdadeira e está prestes a se tornar realidade e que apenas Norman é capaz de impedir que isso possa atingir o povo da cidade.

(mais…)

2 Comentários
08
Fev

#Critica Detona Ralph

Cinema

When the game is over, the fun begins!

Já não é nenhuma novidade que a Disney faz filmes realmente bons de animação, mas nunca tinha feito um tão brilhante e original como Wreck-it Ralph. É tudo diversão no Litwak’s Family Fun Center, até que alguém se machuque. Embora esta linha pareça cliché e o enredo seja simples na maioria dos filmes (quando o final seja um resultado moral) a sua configuração o torna maravilhoso, fresco e único!

(mais…)

1 Comentário
03
Dez

#Critica – Gato de Botas

Cinema

Lembra daquele conto, de quando eramos crianças? Bem, Puss in Boots” não é sobre ele…

O filme preserva o estilo Shrek… Com humor tanto para as crianças quanto para os adultos.

Existem duas linhas na história principal, a amizade e o amor. Ambos divulgados em detalhes, especialmente a amizade, com flashbacks das reuniões do Clube do Feijão, o convívio e claro, correção dos maus. E o amor com todas as suas possibilidades e encanto!

Penso que os valores apresentados são pouco interessantes para as crianças, uma vez que não são maduras o suficiente para entender. Mas os pequenos, com certeza irão adorar as piadas, danças, e um elemento surpresa “Uooou”, hehehe

Gato era um órfão que então se torna um fora da lei que junta forças com Humpty Dumpty, um ovo de intenções questionáveis e Kitty, uma felina fatal, para roubar os feijões mágicos de Jack e Jill, para plantarem um pé de feijão mágico, e encontrar o ouro ganso da legenda. Naturalmente, as coisas não saem conforme o planejado, e é então que a trama se complica… Apesar das muitas adaptações, é um conto de fadas moderno.

O efeito em 3D é muito bom para aqueles que estão dispostos em pagar um pouquinho mais por esse recurso, certamente não irão se decepcionar e o cenário, “Wild West” as favelas urbanas, e até mesmo as nuvens do castelo são todos dignos de elogios…

Então para resumir: O filme trás um pouco de tudo: heróis, vilões redimidos, traição, interesse, amor e humor. Personagens interessantes e grandes risadas… O Gato das Botas é realmente impecável. As texturas são palpáveis, as sequencias de ação são empolgantes e engraçadas ao mesmo tempo. A luta misturada com passos de dança foi muito interessante. Em geral, está abundantemente cheio de valores e é um filme divertido para assistir com toda a família.

Bônus, para te incentivar a ir vê-lo, hehehe

Sua estréia aqui em Portugal foi no dia 01 de dezembro, e no Brasil em 09 de dezembro

Beijos.

14 Comentários
22
Out

Toy Story 3

Filmes & Séries Hora da Saudade Músicas Favoritas Opinião

Sim, depois de muito, como duas idas ao cinema: Essa e Essa, o Eder passando mal e não podendo ir assisti-lo no ultimo dia de exibição (em 3D), finalmente assisti: Toy Story 3! Rs

Por mais infantil que possa parecer, este filme marcou demais minha infância, por isso que estava tão louca para vê-lo.

O resultado ao assisti-lo então: muitas lágrimas, lembranças e um toque de rizadas, rs:

Classificação Pessoal: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

Gênero: Animação/Aventura

Sinopse: Toy Story 3 traz Woody (dublado por Tom Hanks), Buzz (dublado por Tim Allen) e toda a turma de volta às telonas quando Andy se prepara para ir para a faculdade e seus leais brinquedos vão parar numa… creche! Mas esses bravos baixinhos com seus dedinhos pegajosos não estão para brincadeira, então, serão todos por um e um por todos, enquanto implementam seu plano da grande fuga. Embarcam com eles nesta aventura, muitos rostos novos — alguns de plástico, outros de pelúcia, incluindo o famoso solteiro e festeiro acompanhante da Barbie, Ken (dublado por Michael Keaton); o ator e ouriço de jardineira, Espeto (dublado por Timothy Dalton); e um ursinho de pelúcia rosa com cheiro de morango, chamado Lotso Ursinho Fofo (dublado por Ned Beatty).

Ficha Técnica:

título original: Toy Story 3
duração: 102 min.
ano de lançamento: 2010
estúdio: Disney Pixar Pictures
director: Lee Unkrich

By: Cine Pop: http://www.cinepop.com.br/filmes/toystory3.htm

Trailers:

Trailer Oficial, em Português (Brasil)

.

Trailer em Inglês (vale pelo comecinho, emocionante das filmagens feitas do Andy ainda crianças)

.

Bonús: Músiquinha LINDA, abertura do primeiro filme, rs

.

Opinião Pessoal: O melhor e mais lindo do ano, não poderia ter fechado a seguência de melhor forma. Preparem os lencinhos, este é o típico filme para se chorar do inicio ao fim, rs. Alem de unissexo, é para todas as idades (mesmo pensando que, os adultos entendem melhor que as crianças, rs).

Nota: O primeiro da série (de três filmes) foi o primeiro que assisti por inteiro no cinema com minha mãe (o primeiro à serio teria sido Gasparzinho, onde “tentamos” ir todos: eu, meu irmão que na época tinha apenas 3aninhos, meu pai e minha mãe; mas pela festa que meu irmão fez na sala, incluindo subir no “palquinho” da tela e começar a gritar meu nome e pelo meu pai, enquanto minha mãe e o Lanterninha corriam atrás dele, tivemos que sair da sala, rs). E agora, o desfecho da história, assisto com meu namorido… Engraçada essa evolução, rs.

Beijos.

9 Comentários
!-- WP FOOTER -->