19
Jul

Os suspeitos

Filmes & Séries

O pior inimigo é aquele que você menos espera…

Capa

estrela-cheiaestrela-cheiaestrela-cheiaestrela-cheiaestrela-meia

Boston, Estados Unidos. Keller Dover Hugh Jackman leva uma vida feliz ao lado da esposa Grace Maria Bello e os filhos Ralph Dylan Minnette e Anna Erin Gerasimovich. Um dia, a família visita a casa de Franklin Terrence Howard e Nancy Birch Viola Davis, seus grandes amigos. Sem que eles percebam, a pequena Anna e Joy Kyla Drew Simmons, filha dos Birch, desaparecem. Desesperadas, as famílias apelam à polícia e logo o caso cai nas mãos do detetive Loki Jake Gyllenhaal. Não demora muito para que ele prenda Alex Paul Dano, que fica apenas 48 horas preso devido à ausência de provas contra ele. Alex na verdade tem o QI de uma criança de 10 anos e, por isso, a polícia não acredita que ele esteja envolvido com o desaparecimento. Entretanto, Keller está convicto de que ele tem culpa no cartório e resolve sequestrá-lo para arrancar a verdade dele, custe o que custar.

Alguns dados técnicos:

título original: Prisoners
lançamento: 2013
duração: 153 min.
diretor: Denis Villeneuve

No IMDB: 8.1

Prisoners é um filme instigante de drama-suspense, corajoso e incrivelmente bem atuado. Se centra principalmente sobre as escolhas tomadas e suas consequências, enfrentadas pelos personagens principais quando a piores coisas acontecem com eles e, levanta a seguinte questão: Quando a vida de um filho está em jogo, até que ponto você está disposto a fazer para unir e proteger sua família? Explora a probabilidade do comportamento humano quando, o crime está acontecendo e as linhas entre o bem e o mal passa a se tornar ténues… Ambas as famílias querem suas filhas de volta

Com o clima muito escuro e desagradável, nunca consegue dar descanso na construção do caráter e desenvolvimento da história. E, mesmo para um filme 153 minutos, a história se desenrola em um ritmo lento e solene mas as cenas dramáticas realizadas pelos membros do elenco principal do filme irá te manter envolvido.

Hugh Jackman e Jack Gyllenhaal ambos atuam de maneira intensa e digna de Oscar, definindo e desenvolvendo seus personagens com várias camadas de emoções: afeto, raiva, tristeza, empatia, culpa… Ao longo do filme a atmosfera com fortes chuvas, tempestuosos dias com neve e muito frio conseguem criar um ambiente terrível para compor o clima sombrio e assustador. Toda ação violenta tomada pelos personagens são atos de desespero, dado que eles estão correndo contra o tempo.

No entanto, o filme não é perfeito mas apesar de alguns problemas de enredo de várias voltas mostrados no filme, as excelentes performances foram suficientes para tornar a história bem-sucedida e crível. Mais do que recomendado para aqueles que queriam assistir a um filme de suspense drama sério e poderoso, envolvendo atuações e elenco incrivelmente talentoso!

Capa1

Beijos.

Nenhum Comentário
14
Set

#Critica Wolverine imortal

Cinema

Life is a gift. Immortality a curse…

Capa

E, durante todas as adaptações modernas de super-heróis para o cinema, não conseguimos pensar no Wolverine sem que ele seja como Hugh Jackman… Afinal, depois de ser uma peça bem sucedida da franquia X-Men por três filmes, e ganhar seu próprio solo em 2009 em “X-Men Origens: Wolverine” que acabou por ser um filme caótico e recheado de clichês em seu script. Mas, como Jackman, se tornou sinónimo de seu personagem assim como Robert Downey Jr. é com o Iron Man, merecia uma segunda chance de mostrar seu potencial sozinho e, felizmente The Wolverine é essa retratação melhorada! Na verdade, ele ressurge das piores falhas de Origins, contando uma história baseada pela mini-série #1-4 de Chris Claremont e Frank Miller feita em 1982.

(mais…)

Nenhum Comentário
04
Nov

#Crítica, Puro aço

Cinema Filmes & Séries

A coragem é mais forte do que o aço.

Confesso que pensei que ia ser mais um daqueles filmes bregas, exagerados ao estilo Transformers… Mas fiquei realmente surpresa!

Mesmo no contesto de uma ficção, uma vez que por enquanto as lutas não são protagonizadas por robôs, tem elementos que deixam o filme real. Ok, é uma história que já vimos fazer um milhão de vezes … Mas nunca tão criativa e com esse tipo de plano de fundo!

Hugh Jackman… Sempre pensamos nele como Wolverine, né? Com garras de Adamantium rasgando coisas, com ar selvagem e feroz; Mas este filme traz uma imagem de um Jackman totalmente novo: Como um pai caloteiro e arrogante, ex-boxeador que transforma as lutas de gladiadores robôs em sua própria vida! Como sempre fez um ótimo trabalho, mas a verdadeira estrela do show é, sem dúvida, o filho de seu personagem, interpretado por Dakoto Goyo. O garoto parece chatinho no começo e quando menos esperamos, se torna totalmente cativante!

O final nos deixa cheios de dúvidas o que para eu curiosa como sou não é muito legal mas, quem quer um grande fim, quando podemos vê-lo durante o filme inteiro?
Tem alguns momentos grande comédia, as relações entre os atores sentiram genuína e não exagerado ou forçado. Os robôs divertidas e imaginativas, nos dando o gostinho de que o esporte fosse mesmo real, mesmo para mim que não gostava de lutas, até então admito… Hehehe

Você vai torcer, chorar, rir e ser completamente surpreendido!

Com a mesma adrenalina de Rocky e com um conjunto muito melhor de ação e elenco e grandes atuações…

Infelizmente não tem material para concorrer ao Oscar, mas é um grande filme, e no final de tudo, apenas isso já importa!

 

Então para resumir: O filme é incrível! A história é uma graça, as atuações fenomenais, efeitos especiais excelentes… Não falta nada, já que lá estavam: a ação, o drama, a comédia e até uma pitadinha de romance… O que eu mais gostei foi a química entre Charlie, Max e Bailey e cada um dos personagens no filme. Todos que trouxeram seus personagens para a tela, sopraram para nossas mentes suas performances. Devo dizer que eu não esperava que este filme seja tão bom. Minhas expectativas eram altas para os efeitos especiais e atuação de Hugh, mas o que este filme trouxe foi muito mais que isso. Recomendo, por não se destacar em sua grandeza mas sim pelas alucinantes performances!

Sua estréia aqui em Portugal foi no dia 03 de novembro, e no Brasil foi em 21 de outubro. 

Beijos.

9 Comentários
!-- WP FOOTER -->